Dança

DANÇA | 10 de maio

Cão sem Plumas

Cia de Dança Deborah Colker
Quarta-feira às 20h | 70 min | Ingressos: Entrada Franca (retirada de ingressos na bilheteria à partir do dia 03/05)

Bailarinos cobertos de lama num espetáculo que trata da miséria e da destruição da natureza. É o que se verá em Cão Sem Plumas, o novo trabalho de Deborah Colker, com estreia nacional marcada para junho de 2017.

É novo de fato: a coreógrafa jamais fizera nada sequer semelhante nos 23 anos de sua companhia – que conta, desde 1995, com o patrocínio da Petrobras. O poema homônimo, publicado em 1950 e um dos mais importantes da obra de João Cabral de Melo Neto (1920-1999), leva Deborah e seu grupo ao meio da pobreza e da riqueza do Estado de Pernambuco, no Nordeste brasileiro. Um ambiente bem distante da Rússia de Tatyana (2011) e da França de Belle (2014), os últimos balés da companhia. E com uma linguagem que não faz lembrar os trabalhos da coreógrafa que tiveram maior repercussão internacional: O Ovo, realizado em 2009 para o Cirque du Soleil; e a abertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016.

Criação, Coreografia e Direção: DEBORAH COLKER | Direção Executiva: JOÃO ELIAS | Direção Cinematográfica e Dramaturgia: CLAUDIO ASSIS | Direção de Arte e Cenografia: GRINGO CARDIA | Direção Musical: JORGE DÜ PEIXE e BERNA CEPPAS participação especial LIRINHA | Desenho de Luz: JORGINHO DE CARVALHO | Figurinos: CLÁUDIA KOPKE